Bernardo Nápoles

É um jovem duriense com fortes ligações à região. O seu avô materno, Bernardo Albuquerque, vinificava cerca de 600 pipas de Vinho do Porto na Touça, no Douro Superior. Os seus avós paternos eram os proprietários da Quinta do Monte Travesso. Em 1999, Bernardo Nápoles assume os destinos da produção desta quinta.

O apelo pela vinha e pelo vinho vieram desde cedo e logo em novo rumou para o internato da Escola Agrícola de Santo Tirso, onde obteve o diploma de Técnico de Agro-pecuária. Posteriormente licenciou-se em Engenharia Agrícola na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro. Solidificou os seus conhecimentos com formação especializada em França e com um mestrado em Viticultura e Enologia no Instituto Superior de Agronomia.

Apesar das suas origens, a atracção pelo mar levou-o a tornar-se campeão nacional e vice-campeão europeu em vela. Hoje é na vinha e no vinho que está a concentrar todos os esforços. È com muito empenho e dedicação que procura obter, agora com os seus vinhos, alegrias idênticas!

«
Bernardo Nápoles
Imagem de fundo